domingo, 25 de julho de 2010

Um poema para você




Um poema para você

Você não pode fazer isso comigo.
Não mereço mais este castigo.
Por que não encontra outro jeito
E acabe de vez com este sofrimento?

Não sabe o mau que me faz.
Deste modo não encontro paz.
Viver assim já não dá mais.
Por favor, não vê quem me satisfaz?

Este sentimento me consome.
Em tudo que leio escontro seu nome.
Em meus pensamentos, está, sempre.
Sua imagem aparecendo sutilmente.

Não sei mais no que pensar.
Imagino diversas formas de te falar.
Mas não consigo, uma palavra, achar
Para dizer o quanto quero te amar.
O Confessador

2 comentários:

Lia disse...

ai que lindoooo *_*

R@YS@ disse...

Primo esse é muito lindooo!!!
Parabéns e saudadesss!